quarta-feira, 6 de outubro de 2010

Diazepam.

Escolhi este titulo , pois estou sobre este efeito agora. Me sinto tão cansada , que não tenho se quer disposição , para odiar certas pessoas. Enquanto algumas pessoas estão procurando me provocar , seja da maneira que for , usando a internet , usando o convivio ,levando as pessoas que eu amo. Eu estou fazendo oque gosto de fazer . E esquecendo da existencia delas , até mesmo das que eu gosto. Afinal , quem eram elas mesmo ?!
Não sei isso é bom , este novo momento que a musica vem me proporcionando , diria até 'oportunidade' , de esquecer tudo oque esta vinculado a mim , e que de certa me machuque , embora , eu diga amar estas pessoas , as vezes elas me machucam , querendo ou não. E antes essas provocações , que o suposto monstro B , chamado mulher ( que existe o lado A  - que é digerido-  e o lado B - quem digere-) , me faziam , atigiam-me de cheio no peito , como um punhal em chamas , perfurando meu coração melado de óleo diesel. Mas lavei meu coração e minha alma , assim que aceitei e me entreguei a uma paixão que só me trás coisas boas , o nome desta paixão é MUSICA. Acima de qualquer desavença , acima de qualquer ser humano que esteja na minha vida. Pois a musica , me da a oportunidade de ama-los cada vez mais , entretanto , me da também o poder de deixa-los , quando estes já não me fazem bem. Ou até mesmo de ir me desprendendo deles de pouco a pouco. Exagerado não ? Esta analogia que fiz , se refere somente ao fato de eu estar conseguindo não dar atenção para provocações , que antes me faziam enlouquecer e enrijecer o ego destes monstros lado B ( B = monstros que se alimentam de ego.) que são as mulheres que tentam me provocar e que antes se alimentavam com meu ego. Mas , agora a musica não me da espaço para ligar pra isso. A importancia em estudar um arpejo ou uma escala , se mostra superior a qualquer assunto neste gráu de ridicularidade . Não me importa mais se alguém tirar uma foto beijando o meu namorado , fazendo sexo oral nele ( embora , até presente , isso não tenha acontecido) , ou se alguem disser pra minha melhor amiga coisas idiotas e sem fundamento. Ou até mesmo , se alguem criticar as comunidades que crio ( tentando rouba-las e implorando por um lugar na moderação) . Sabe porque ? Mudei meus objetivos , meu foco , minha direção. Minhas semanas agora estão sendo mais focadas e dedicadas a musica. Assim como meus fins de semana. Embora algumas pessoas acham que eu deixei de 'viver' , eu não deixei. Eu só percebi oque é 'importante' e oque pode ser esquecido . Como disse ,  enquanto você (s) , tenta me atingir , com atitudes primatas  e arquitetam planinhos infantis , achando isso muito maquiavélico , como se provocasse uma overdose de ciume em cada nervo e neuronio meu. Eu faço oque amo e esqueço da sua existencia ... Afinal quem são vocês mesmo ?!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

consumidores dos meus fragmentos. <3

Loading...